Economia Local

Economias locais prósperas e auto-suficientes, formam a base do sistema sócioeconómico de PROUT. Hoje, as pessoas em todo o mundo, enfrentam padrões de vida estagnados ou em declínio devido à crescente desigualdade económica causada pela concentração da riqueza. PROUT apoia a política da descentralização económica para que a população local ganhe controlo sobre os seus destinos económicos e a riqueza seja distribuida de forma mais equitativa.

Descentralizar a economia implica:

1) controlo local do planeamento económico, 2) produção principalmente para consumo, 3) produção e distribuição gerida por cooperativas locais que estão inseridas na comunidade, 4) contratação direccionada de residentes locais para atingir 100% de emprego, e 5) a eliminação gradual de todos os produtos e serviços não locais. Através de uma descentralização ampla e intensiva, as localidades tornar-se-ão mais auto-suficientes e contruirão riqueza para os seus residentes.

A implementação da descentralização variará, obviamente, de acordo com as eficiências económicas. Por exemplo, embora a maior parte da produção de alimentos possa ser tratada localmente, uma unidade de produção regional seria mais prática para a produção de automóveis e para outras indústrias de grande escala.

About the author

Tags